Como organizar um roteiro de visitas a franqueados

0
Como conversar com atuais franqueados (Foto: Shutterstock)
Como conversar com atuais franqueados (Foto: Shutterstock)

Antes de decidir investir em qualquer tipo de franquia, é preciso entender o sistema e o modelo do negócio.  Além de analisar atentamente a Circular de Oferta de Franquias (COF), é recomendável também consultar atuais franqueados da rede.

São eles quem sabem, melhor do que ninguém, as informações essenciais e como o negócio funciona na prática. A conversa com eles é sempre interessante, pois ter o feedback de quem já está em operação e pode passar suas reais percepções faz toda a diferença para aqueles que estão querendo ingressar.

Mas como organizar essa agenda de conversas com os franqueados?

Por lei, a franqueadora deve fornecer o telefone de quem forma a rede. E para ser mais assertivo na escolha de quem visitar, peça sugestões de franqueados mais abertos e receptivos, que aceitem falar sobre alguns detalhes e que conheçam bem a franquia.

Por mais que as conversas, geralmente, sejam por telefone, é interessante marcar visitas presenciais. Tenha em mente que chegar à unidade fazendo perguntas, sem um agendamento prévio, não é uma boa prática, pois pode gerar desconfiança e desconforto. “Franqueados que abrem as portas das lojas dão atenção especial aos candidatos, o que acaba sendo bem gratificante”, diz Felipe Naresi, do núcleo de expansão da Holding de Franquias SMZTO.

Como a opinião de cada um é muito subjetiva, é recomendado conversar com mais de uma pessoa, porque assim é possível obter um retrato mais apropriado e detalhado dos bastidores, confirmando todas as informações. Selecionar franqueados em diferentes estágios da uma franquia e diferentes perfis também é uma boa maneira de tirar todas as dúvidas.

“Aconselho falar com alguns franqueados que sejam mais antigos, pois eles já têm grande experiência dentro da franquia. Também é importante selecionar aqueles com um perfil parecido com o seu: um investidor, um operador ou um profissional da área do negócio. Pois as visões e informações são distintas entre cada um”, sugere Naresi.

Roteiro de perguntas

Durante o bate-papo, seja o mais objetivo possível. Faça um roteiro com todas as perguntas, lembrando de questionar sobre o processo de compra, início das obras, suporte e treinamentos, valores investidos, se o negócio realmente é rentável e, também, se ele está satisfeito e confiante com o negócio.

“Acredito que falar com dois ou três franqueados seja suficiente para ter um bom feedback de como funciona a franquia”, afirma Naresi que ressalta, ainda, a importância de checar a similaridade das informações obtidas durante as conversas com as passadas anteriormente pela franqueadora.

Agora que você sabe a importância das visitas a franqueados, veja quais são as 14 perguntas que você deve fazer para os franqueados em operação.

 

 



DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.